Símbolo da reciclagem

Como separar o lixo (sem dor de cabeça)

Confira as dicas para descartar seus resíduos corretamente

Por Ana Clara Faria
Símbolo da reciclagem
Ilustração: Ana Clara Faria

Cada brasileiro gera, em média, 1 kg de lixo por dia; é o que aponta o Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), que reúne, entre outros dados, detalhes sobre o gerenciamento de resíduos no país. O SNIS estima que, por ano, cada habitante produz cerca de 347 kg de lixo. Mas, ainda de acordo com o levantamento, apenas 13,7 kg (ou 4%) do lixo gerado anualmente por cada brasileiro vai para a reciclagem.

Isso mostra que podemos fazer mais pelo meio ambiente e, também, por todos nós. E é fácil ajudar! O Info Sustentável preparou um guia prático da reciclagem para você não esquentar mais a cabeça na hora de separar o lixo. 😉

Dá só uma olhada!

Qual é a cor para cada tipo de material?

As lixeiras de reciclagem são divididas basicamente em quatro cores, uma para cada tipo de material: azul (papel), vermelho (plástico), verde (vidro) e amarelo (metal). O lixo orgânico é representado pela cor marrom.

Navegue pelas imagens abaixo para mais detalhes sobre cada tipo de material:

E em casa, como separo?

Se o seu município tem serviço de coleta seletiva, você só precisa separar o lixo em duas categorias: recicláveis e não recicláveis (orgânicos). Tudo o que pode ser descartado nos lixos de cor vermelha, azul, verde e amarela entra na parte dos recicláveis, enquanto o lixo orgânico (marrom) vai para a lixeira de não recicláveis.

ATENÇÃO: Itens como pilhas, baterias, óleo de cozinha, medicamentos vencidos, pneus, produtos eletrônicos e lâmpadas fluorescentes não podem ser descartados no lixo reciclável e nem no orgânico! Esses materiais, por se enquadrarem na categoria de lixos tóxicos, devem ser levados a pontos de coleta específicos para esse tipo de resíduo. Entre em contato com a prefeitura de sua cidade para obter mais informações sobre pontos de coleta próximos à sua casa.

Minha cidade não tem coleta seletiva. E agora?

Você pode entregar o lixo reciclável para catadores ou diretamente em cooperativas de reciclagem na sua cidade. O Cempre (Compromisso Empresarial para Reciclagem) disponibiliza online o Mapa da Reciclagem, onde você pode encontrar os pontos de coleta de materiais recicláveis mais próximos da sua residência. O mapa também mostra locais de coleta de lixos tóxicos, isto é, que não podem ser descartados no lixo comum. Consulte o mapa aqui.

De olho na legislação: a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº 12.305/10) determina as responsabilidades dos governos federal, estadual e municipal no gerenciamento de resíduos, incentivando práticas de redução, reutilização e reciclagem de resíduos (incluindo a coleta seletiva). Consulte aqui a lei na íntegra.

Participe do movimento! Siga o Info Sustentável no Twitter e compartilhe a tag #EuSouInfoSustentavel :)

Curta a nossa página no Facebook

Siga-nos no Instagram

Faça parte da nossa lista VIP: inscreva-se na Newsletter do Info Sustentável

Um comentário sobre “Como separar o lixo (sem dor de cabeça)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s